Delegados

Cartas aos Delegados

Prezados Delegados,

Sejam muito bem-vindos à décima terceira edição do Modelo Intercolegial de Relações Internacionais, uma grande oportunidade para se divertir, conhecer pessoas diferentes e amigos para toda a vida. Mais do que isso, é uma oportunidade única de se pensar o mundo sob nova perspectiva, aplicando de forma prática o que se aprende na escola.

O delegado terá a oportunidade de vivenciar ambientes que requerem seriedade, como os debates em comitê que serão alternados com momentos de descontração, com as festas e gincanas. Não foi somente pelos esforços da organização que o MIRIN chegou em sua décima edição: Há uma importante sintonia na tríade diretores-delegados-professores. Não se faz, afinal, um grande modelo sem grandes delegados.

O total aproveitamento por parte dos delegados depende, no entanto, de mais do que desenvoltura e capacidade de falar em público: é necessário profundo respeito e conhecimento às regras para que os debates possam transcorrer de forma agradável e produtiva, da mesma forma, a leitura do guia de regras, que é imprescindível para um bom comitê não é suficiente. A pesquisa paralela, de diversos sites confiáveis, livros, artigos, jornais, revistas é um exercício imprescindível… Academicamente falando, não há limites para uma boa preparação aos dias de debates: Procure seu professor orientador e seus diretores, pessoas muito mais que dispostas a lhes ajudar com esta tarefa árdua, porém prazerosa. Ao ler o guia de estudos, ao realizar pesquisas paralelas, tenham em mente sempre estas perguntas: “Por que este tema está em voga? Qual sua importância para a comunidade internacional? Os Interesses por trás? Problemas inerentes a este tema? Qual o interesse de por trás da solução – e até mesmo não-solução! – da situação vigente?”.

Mais do que se preparar academicamente, recomendamos fortemente que se familiarizem com a cultura e valores do país representado pelos senhores! Estudem sua política externa, suas dificuldades étnicas, geográficas, econômicas, seus potenciais e fraquezas: uma compreensão ampla de seu país representado em muito facilita montar linhas de argumentação, capacidades de defesa durante os debates e até mesmo na compreensão geral e problemas inerentes envolvidos no tema do comitê! Não se esqueçam dos Documentos de Posição, que devem ser feitos e enviados para os e-mails dos comitês antes do evento, para que os Diretores possam lhes ajudar de forma mais eficiente – lembrando que os documentos impressos devem ser levados no primeiro dia, e entregues aos seus diretores. O Guia de Regras foi revisto e reorganizado com muita atenção, portanto, é fortemente recomendado que seja lido antes do evento.

Por fim, pedimos que os senhores se recordem de suas posições profissionais: nestes cinco dias de evento serão diplomatas, ministros, Chefes de Estado e, portanto, devem seguir um código de vestimenta bastante restrito durante todo o evento. Homens devem comparecer vestindo terno, gravata e sapatos apropriados, abolindo-se tênis, boné ou qualquer acessório que venha a comprometer a formalidade. Mulheres, por outro lado, devem apresentar-se de calça, saia ou tailler, evitando decotes exagerados ou saias muito curtas. Calçados devem, igualmente, seguir a formalidade. Este código de vestimenta NÃO É FACULTATIVO e, em caso de descumprimento, caberão à organização medidas plausíveis e proporcionais. Aguardamos atenciosamente a vinda dos senhores ao evento!

Desde já agradecemos e, como diz o slogan do evento aos delegados, “leiam o Guia de Estudos!”

Atenciosamente,

Equipe XIII MIRIN